Ministério Público de Contas pede suspensão de “supersalário” de prefeito de Pombal ao TCE

0 Comentários

O Ministério Público de Contas da Paraíba (MPC-PB) pede a imediata suspensão do “supersalário” do prefeito de Pombal, Abmael de Sousa Lacerda, mais conhecida como “Doutor Verissinho”, ao Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB), O órgão considera o aumento inconstitucional. Atualmente o prefeito recebe quase R$ 30 mil.

Com o aumento deste ano o salário do prefeito passou para R$ 29,6 mil, sendo o maior subsídio entre os 223 prefeitos paraibanos, segundo denúncia da ação do Ministério Público de Contas (TCE-PB). O órgão pede também o ressarcimento dos valores já pagos.

A ação torna alvo também o vice-prefeito e Secretários municipais. O pedido de cautelar de suspensão dos pagamentos foi enviado para analise do Conselheiro Fernando Rodrigues Catão
Relator do Processo de Acompanhamento da Gestão do Município de Pombal.

ClickPB

Anterior

0 Comentários

Deixe uma resposta


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

15 49.0138 8.38624 1 1 7000 1 https://www.blogdobrunolira.com.br 300 0