Prefeitura de Boqueirão concede pagamento de insalubridade de até 40% para os profissionais que estão no combate ao coronavírus

A Câmara de vereadores de Boqueirão aprovou por unanimidade o projeto de lei Nº 007/2020, de autoria do Poder Executivo, que concede o pagamento de insalubridade de 10 a 40%, aos profissionais que estão atuando na linha de frente do combate ao coronavírus.

O prefeito João Paulo Segundo explicou que o benefício vai durar quatros meses, podendo se prorrogado por mais dois meses: “Essa é uma forma de reconhecer o trabalho dos profissionais que estão atuando na linha de frente, no enfrentamento a pandemia. Sempre busquei reconhecer o trabalho de cada servidor na engrenagem administrativa. Estamos fazendo muito por Boqueirão, porque cada categoria vem fazendo sua parte”, expressou Segundo.

Veja o documento:

Blog do Bruno Lira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *