Mesmo em estado de emergência, prefeituras da Paraíba pagam alto em shows no São João; veja lista

O decreto de estado de emergência feito pelo Governo da Paraíba para mais de 170 municípios no último mês de abril não inibiu prefeituras a investirem pesado na contratação de grandes bandas para os festejos juninos.

Apesar da forte estiagem que assola grande parte do estado, alguns municípios chegam a pagar até R$ 380 mil por uma noite de show de um artista. É o caso da cidade de Monteiro, no Cariri. Sob o comando da prefeita Anna Lorena, a Prefeitura desembolsará a alta bagatela para apresentação do cantor Wesley Safadão no dia 25 de junho.

As cantoras Márcia Felipe e Solange Almeida também vão lucrar bem em solo monteirense. Elas receberão R$ 140 mil e R$ 130 mil respectivamente.

Também na região do Cariri, na cidade de Ouro Velho, a prefeita Natalia de Dr. Junior pagará com dinheiro do município R$ 130 mil para o cantor Mano Walter. O município tem pouco mais de três mil habitantes e sofre com os efeitos da estiagem.

A cidade de Princesa Isabel, no Sertão, do prefeito Ricardo Pereira do Nascimento, não fica muito atrás quando o assunto é abrir os cofres públicos para satisfazer a alegria do povo – nem que seja por algumas horas de uma noite.

O cantor sertanejo Eduardo Costa receberá R$ 250 mil do município que tem pouco mais de vinte mil habitantes. A apresentação teve 01h30 (uma hora e trinta minutos) de duração e ocorreu no dia 14 junho.

As informações estão disponíveis no mural de licitação do Tribunal de Contas do Estado.

MaisPB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *