GEO Sul emite nota oficial sobre suposto estupro de aluno dentro da escola

Após a apreensão de 4 adolescentes acusados de estuprar uma criança de nove anos nas dependências do colégio GEO Tambaú, a escola emite nota oficial se pronunciando sobre o caso.

Os adolescentes foram apreendidos na manhã desta segunda-feira.

Entenda

Os abusos ocorriam nas dependências do colégio, mais precisamente dentro dos banheiros. O processo tramita em segredo de justiça desde maio de 2018, depois que a família da criança abusada sexualmente denunciou o fato. Os dois adolescentes foram apreendidos nos bairros de Manaíra e Tambauzinho, em João Pessoa, e encaminhados para o Centro Educacional do Adolescente (CEA).

Leia a nota na íntegra

Prezada comunidade escolar: 
A partir do momento que tomou conhecimento da notícia, o Colégio GEO tem buscado junto ao Poder Público a apuração dos fatos.
Em respeito à privacidade dos menores envolvidos, o procedimento tramita em segredo de justiça e no âmbito do Poder Judiciário. 
O Colégio está empenhado no esclarecimento integral da verdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *